A Dona Aranha

A dona aranha Subiu pela parede Veio à chuva forte E a derrubou

A dona aranha Subiu pela parede Veio à chuva forte E a derrubou

Já passou a chuva O sol já vem surgindo E a dona aranha Continua a subir

Já passou a chuva O sol já vem surgindo E a dona aranha Continua a subir

Ela é teimosa E desobediente Sobe, sobe, Sobe E nunca está contente

Ela é teimosa E desobediente Sobe, sobe, Sobe E nunca está contente

A dona aranha Desceu pela parede Veio à chuva forte E a derrubou

A dona aranha Desceu pela parede Veio à chuva forte E a derrubou

Já passou a chuva O sol já vem surgindo E a dona aranha Continua a descer

Já passou a chuva O sol já vem surgindo E a dona aranha Continua a descer

Ela é teimosa E desobediente Desce, desce, desce E nunca está contente

Ela é teimosa E desobediente Desce, desce, desce E nunca está contente